Além disso

O representante de grandes orquídeas é cymbidium. Descrição, foto, recomendações de cuidados

O representante de grandes orquídeas é cymbidium. Descrição, foto, recomendações de cuidados


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Cymbidium é um membro comum da família das orquídeas. Suas flores grandes e perfumadas conquistaram o coração de pessoas em todo o mundo.

Acredita-se que a orquídea Cymbidium seja a mais despretensiosa de todas. É adaptado para cultivo interno e pode se adaptar a baixas temperaturas.

História de origem e habitat

Na natureza, a flor pode ser encontrada em:

  • Índia;
  • Japão;
  • Vietnã;
  • Tailândia.

Ele prefere florestas subtropicais localizadas a uma altitude de mais de dois mil metros acima do nível do mar.

A primeira descrição desta espécie foi feita em 1799 pelo naturalista Peter Olof Swartz.

In vivo, a orquídea Cymbidium é uma epífita... Com suas raízes, ele se agarra a rachaduras em pedras ou cascas de árvores. Na maioria das vezes, pode ser encontrado em buracos e em grandes galhos.

referência... Cymbidium é uma palavra grega que significa semelhante a um barco. A orquídea recebeu esse nome devido à estrutura do "lábio".

Com o que se parece?

Cymbidium é um grande representante da família das orquídeas... Seu pedúnculo atinge 1,3 m de altura. As flores são coletadas em cachos soltos que pendem livremente. Os botões têm tamanhos diferentes, dependendo da espécie, de 2 a 20 cm.

Cores comuns de pétalas:

  • Tons de marrom e bordô... Nesse caso, o “labelo”, via de regra, é mais claro, quase branco, possui várias manchas.
  • Cor, de amarelo brilhante a verde... O “labelo” tem a mesma tonalidade das pétalas, e muitas vezes você pode ver manchas vermelhas brilhantes nele.
  • Creme ou Orquídea Leite, com um leve "labelo", que é decorado com pequenos traços brilhantes.

Qual é a diferença de outras espécies?

Existem vários sinais pelos quais Cymbidium pode ser facilmente distinguido do resto da família.

  • Folhas. Eles são longos, lineares, pontiagudos nas extremidades.
  • A presença de um "lábio". Isso nada mais é do que um crescimento na sépala. Sua peculiaridade é sua cor variada.
  • Pseudobulb. Esta é uma parte mais espessa do caule, localizada na própria raiz. É neles que a orquídea acumula umidade.
  • As pétalas e sépalas têm a mesma forma e cor.

referência... A cor muito escura da folha indica que a planta não está recebendo luz suficiente.

Variedades - seus nomes, características, fotos

O gênero tem várias dezenas de representantes. Na maioria das vezes, em casa, você pode encontrar as seguintes variedades, cujas fotos serão mostradas abaixo.

Lowe

A planta Cymbidium lowianum cresce um metro de altura... As folhas são finas e muito compridas. O pedúnculo é forte e cresce até um metro de comprimento, enquanto até 30 flores podem ser plantadas ao mesmo tempo.

A fase de floração ativa começa no final do inverno. Os bulbos são achatados, a cor principal das pétalas é o amarelo. O lábio é adornado com manchas vermelhas.

Marfim ou eburneum

O perfume da orquídea Cymbidium eburneum lembra vagamente o perfume de lilás. Pétalas grandes de tom leitoso. A flor pode atingir 12 cm.

Folha de babosa

Cymbidium aloifolium (pêndulo de Cymbidium) pode ser atribuído aos membros anões da família... A altura das plantas não ultrapassa os 30 cm As flores são pequenas, de um amarelo claro com labelo cor de vinho.

Gigante

Cymbidium giganteum tem folhas lanceoladas e pontiagudas de até 60 cm, não ultrapassando 15 botões em um pedúnculo. Inflorescências caídas, até 60 cm, pétalas vivas, amarelo-esverdeadas, decoradas com listras bordô. Começa a florescer a partir do final de novembro.

Alexandra "Westonbirth"

Cymbidium alexanderi "Westonbirt" é uma cultivar híbrida, criado na Inglaterra no início do século XX. Ele tem uma flor grande e branca com um "lábio" rosa brilhante.

Florescer

Estes membros da família das orquídeas distinguem-se pela longa floração e pelo aroma agradável.

Quando e como isso acontece?

Um novo pedúnculo geralmente aparece no meio do verão. Nela, dependendo da variedade, pode haver até 30 flores. Em geral, o período de floração dura em média 7 semanas. Os primeiros botões começarão a abrir em novembro e poderão fazer as delícias do proprietário até meados de fevereiro.

Cuidados domiciliares

Antes da floração, a planta precisa criar condições ideais.para que possa ganhar força:

  • Não deixe o vaso da orquídea sob a luz direta do sol.
  • Você deve sempre manter uma umidade elevada na sala, até 60%. Um umidificador eletrônico ou fonte decorativa pode ser instalado próximo ao cymbidium.
  • A temperatura durante o dia não deve exceder +18 graus, e à noite deve cair abaixo de +10. É importante monitorar a diferença de temperatura, pois este é um pré-requisito para a floração.
  • Depois que a orquídea murchar, você deve esperar o pedúnculo secar e cortá-lo.
  • Durante o período de dormência (2 a 3 meses), é importante não fazer alimentação adicional e reduzir a temperatura do ar para +16 graus. Também vale a pena reduzir a rega para 2 vezes por mês.

E se não der uma flecha?

  1. Iluminação. Cymbidium deve receber luz suficiente para 12 horas.
  2. Temperatura. No final do outono, vale a pena reduzir a temperatura do ar noturno para +10 graus. Este truque dirá à planta que o inverno está chegando - a época natural da floração.
  3. Umidade. A rega excessiva provocará o apodrecimento das raízes, ao qual a flor certamente reagirá. Com a constante secagem do solo, a orquídea também deixará cair todos os botões. O equilíbrio certo é importante.
  4. Para aumentar o crescimento, use fertilizantes complexos prontos.

Instruções passo a passo para atendimento domiciliar

Se você criar condições de vida ideais para a planta, ela irá deliciá-lo com uma floração abundante todos os anos.

Seleção de assento

O melhor é escolher uma janela com peitoril largo, localizada no lado sudeste.

Que vasos plantar e como preparar o solo?

É importante escolher um solo solto no qual a água não estagnará... Sua principal função é fixar as raízes no vaso. Uma mistura de:

  • casca de pinheiro;
  • musgo;
  • carvão;
  • e raízes de samambaia.

Para uma orquídea, você não pode escolher um vaso muito espaçoso. É melhor comprar um de plástico ou de vidro, pois as raízes podem crescer nas paredes da cerâmica ou da argila, o que complicará o transplante.

Temperatura

  • É importante observar as flutuações de temperatura durante o período de crescimento ativo.
  • No verão, durante o dia, a temperatura do ar deve estar na faixa de +20 a +27 graus, e à noite não deve cair abaixo de +18.
  • Do outono à primavera, a temperatura não deve ser superior a +18 graus durante o dia e +10 graus à noite.

Umidade

Ótimo umidade para crescimento normal - 40 - 50%.

  • A planta deve ser borrifada várias vezes ao dia ou usar um umidificador.
  • O pote pode ser colocado em um palete com argila expandida úmida.

Iluminação

  • Não permita que a luz solar direta caia sobre as folhas (isso causa queimaduras).
  • Com luz insuficiente, as folhas ficam letárgicas e a planta para de florescer. É sempre importante observar o regime de luz de 12 horas.

Rega

No verão, a orquídea é regada uma vez por semana e, no inverno, uma vez a cada duas semanas.

Um pouco de umidade se acumula nos pseudobulbos, graças aos quais a flor pode sobreviver a uma curta seca.

Com excesso de água, o sistema radicular começa a apodrecere, com sua falta, os botões caem e as folhas se enrugam.

Top curativo

  • Durante o período de crescimento dos brotos jovens, fertilizantes complexos para orquídeas devem ser aplicados no solo umedecido.
  • Antes da floração, é melhor usar fertilizantes de potássio e fósforo.
  • Durante o período de floração ativa, é melhor cancelar a aplicação de todos os fertilizantes.
  • Após a floração, não alimente a planta por 2 a 3 meses, aguardando a formação de novos pseudobulbos.

Transferir

Você só pode transplantar após o término da floração.

Um transplante é necessário se:

  • A planta está no mesmo solo há mais de 3 anos.
  • As raízes das orquídeas encheram completamente o vaso e estão saindo dele.
  • A água estagnada na panela e as raízes começaram a apodrecer.
  • Pragas apareceram.

Tecnologia de transplante:

  1. Prepare o solo e o vaso para um plantio ruim.
  2. A drenagem deve ser criada no fundo do recipiente.
  3. Coloque a flor em um vaso e polvilhe levemente com terra e água (se as raízes não tiverem sido danificadas pelo apodrecimento).
  4. Remova a planta em sombra parcial por vários dias.

Como cuidar para que uma flor apareça na flecha?

Para acelerar este processo, a planta precisa criar condições de vida ideais:

  • Dia e noite, deve haver uma diferença de temperatura constante, pelo menos 5 graus.
  • Durante este período, não permita que a luz solar direta incida sobre as folhas. A iluminação deve ser apenas difusa.
  • A parte do solo da flor requer umidade adicional constante.
  • Os fertilizantes à base de potássio e fósforo devem ser aplicados ao solo depois que os rebentos atingem uma altura de 10-15 cm.

Como propagar?

Em casa, o cymbidium pode ser propagado vegetativamente (dividindo o arbusto). É importante lembrar que cada divisão deve conter vários pseudobulbos e 2 - 3 brotos jovens.

  1. A planta é limpa do substrato.
  2. Corte o rizoma com uma faca afiada e polvilhe as "feridas" com carvão ativado amassado.
  3. Uma hora depois, os delenki são plantados em novos vasos.

Importante! No momento do transplante, o novo pote deve ser 2 cm maior que o anterior.

Doenças e pragas

Doenças e pragasSinais externosO principal motivo do aparecimentoTratamento
Mosaico viralAs folhas secam e se enrolam, e as flores se deformam e caem.Alagamento do substrato.A flor, junto com o solo, deve ser destruída.
Fusarium murchandoAs peças fundidas caem e manchas pretas aparecem junto com sua fixação ao caule.Alagamento do substrato.
  1. As partes infectadas da planta devem ser removidas.
  2. O local do corte deve ser tratado com iodo, borrifar a orquídea com "Fundazol" e transplantada para um novo solo.
CloroseEstrias amarelas com listras nas folhas.Falta de ferro.O curativo foliar é realizado pulverizando-se as folhas com um fertilizante complexo.
Podridão radicularAs raízes começam a apodrecer e as folhas e os rebentos ficam pretos.Alagamento do substrato em combinação com baixas temperaturas.Não há cura. A flor doente é destruída.
PulgãoFlor esbranquiçada nas folhas e congestão de insetos.Ar seco.A planta precisa ser banhada (pode-se usar sabonete) e borrifar com um inseticida.
EscudoAs folhas ficam pálidas e um grande número de tubérculos pode ser visto em sua superfície.Baixa umidade.
  1. As saliências precisam ser raspadas e as folhas tratadas com espuma de sabão.
  2. Depois disso, você pode tratar a planta com "Metaphos".

Prevenção de vários problemas

Com cuidados inadequados, a orquídea sofre de uma variedade de doenças fúngicas e parasitárias. Portanto, é importante manter sempre uma boa umidade e temperatura ideal na sala.

Cultivar uma orquídea cymbidium em casa não é tão difícil. O principal é seguir todas as regras de cultivo e dotar a planta das melhores condições de conservação.


Assista o vídeo: Orquídea Cymbidium Pendente (Pode 2022).